Visitas e Formação X

Castelos, Museus e Animação: Turismo Histórico Militar

Portugal é, no contexto europeu, um reino fortemente caracterizado pelo poder real face ao poder senhorial, motivo pelo qual os castelos portugueses dependiam do monarca, sendo entregues à nobreza para exercerem uma função defensiva/ofensiva, mas sempre dependentes da centralidade régia. Este é o motivo principal pelo qual os castelos portugueses não são privados, como noutros países, salvo raras excepções, constituindo-se como um sistema endémico adaptados ao terreno, protegendo centros urbanos que à sua volta foram crescendo.

Depois da guerra a paz transformou suas funções, perpetuando na memória conflitos contra mouros, castelhanos e franceses, evocados, no presente, em inúmeras manifestações, sob feiras e mercados intemporais, com destaque para as instalações de Museus Militares, Museus Histórico Militares e Coleções, assim como se constituem como cenários autênticos para recriações, espetáculos e animação.

No presente é possível visitar inúmeros equipamentos que tiveram funções defensivas, devotados para serviços culturais e de lazer. Vamos apresentar estudos de caso emblemáticos de sucesso cultural e turístico nacional, integrados numa linha programática onde a portugalidade se explana nos castelos ao serviço do Turismo Histórico Militar.

Bibliografia recomendada (as obras indicadas não dispensam leituras complementares para cada módulo)

BOIÇA, Joaquim, et alii, As Fortificações Marítimas da Costa de Cascais. Lisboa: Quetzal, 2001.

BORGES, Augusto Moutinho, Almeida. Maia: CM Almeida, 1999.

BORGES, Augusto Moutinho, Castelo Mendo. Maia: CM Almeida, 1999.

BORGES, Augusto Moutinho, Guaritas: Arte e Engenho. Lisboa: By the Book, 2011.

BORGES, Augusto Moutinho, Palácios e Casas Nobres de Almeida e Ciudad Rodrigo. Lisboa: By the Book, 2019.

BORGES, Augusto Moutinho, Palácios do Exército. Lisboa: By the Book, 2018.

BORGES, Augusto Moutinho, Museus do Exército. Lisboa: By the Book, 2017.

BORGES, Augusto Moutinho, Santo António Militar. Lisboa: By the Book, 2019.

CARITA, Rui, Escudo do Reino, a Fortaleza de S. Julião da Barra. Lisboa: Ministério Defesa Nacional, 2007.

DARMAS, Duarte, Livro das Fortalezas (reedição). Lisboa: INAPA, 2006.

DUARTE, António Paulo David, As Linhas de Elvas, 1659. Lisboa: Tribuna da História, 2003.

FALHAS, Susana, Aldeias Históricas de Portugal: Guia Turístico. Lisboa: Olho de Turista, 2013.

GARCIA. José Manuel, A Magnífica Torre de Belém, 500 Anos. Lisboa: Verso da História, 2014.

GOMES, Rita Costa. Castelos da Raia: Beira. Lisboa: IPPAR, 1996.

GOMES, Rita Costa. Castelos da Raia: Trás-os-Montes. Lisboa: IPPAR, 2001.

INATEL (vários autores), Aldeias Históricas de Portugal. Lisboa: INATEL, 2000.

JESUÍNO, Rui, Elvas Antiga. Elvas: Booksfactory, 2020.

RAMALHO, Margarida Magalhães, Aldeias Históricas de Portugal. Lisboa: INAPA, 2006.

SILVA, Custodio Vieira da, Paços Medievais Portugueses. Lisboa: DGPC, 1995.

            Vários Autores, Évora e Elvas: Roteiro Turístico do Património Mundial. Porto: Porto Editora, 2016.

 

Augusto Moutinho Borges

Doutor em História das Ciências da Saúde, pela Universidade Nova de Lisboa, com a tese “Reais Hospitais em Portugal, 1640-1834”, Especialista em Turismo e Lazer, Mestre em Turismo e Património e Licenciado em Ciências Históricas. É investigador da Universidade de Lisboa, CLEPUL, e da Cátedra em Estudos Globais da Universidade Aberta. Académico Correspondente da Academia Portuguesa da História, Membro Correspondente do Conselho Científico da Comissão Portuguesa de História Militar-Ministério da Defesa Nacional, Membro do Conselho Científico da Revista Almansor da CM Montemor-o-Novo. Prémio Defesa Nacional 2007, Prémio SOS Azulejo 2010 – Investigação, Prémio APOM 2019 – Investigação. Reconhecido especialista na vertente da história e do turismo militar em Portugal, desenvolvendo estudos críticos directamente relacionados com a saúde militar, entre outras áreas do saber. Tem 30 livros e 165 artigos científicos publicados, tendo proferido diversas conferências e participado em encontros científicos de relevância internacional. Depois de ter desempenhado funções de docência no ensino superior exerce funções de Diretor e Curador da Casa Memória Solar São João, em Almeida, uma das 12 Aldeias Históricas de Portugal. É consultor e formador nas áreas de História, do Turismo e Património.

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Formulário de Inscrição

Inscrições Fechadas

Dados Pessoais

+